Quarta-feira bomba nas redes sociais? Vamos experimentar

Dias e horários nobres nas redes sociais. Quarta-feira é um deles

Quarta-feira é dia de cinema mais barato, de jogo de futebol e de mexer com algoritmos nas redes sociais

Uma pesquisa da consultoria Sprinkl  apontou que quarta-feira é um ótimo dia de movimentação nas redes sociais para a intervenção de empresas e listou alguns horários nobres.

Pelos dados do tráfego observado em 2015, o Facebook costuma bombar por volta de 11h30 e o Twitter brilha mais lá pelas 21h30.

Como conteúdo online só funciona com distribuição efetiva, vamos experimentar esse cenário no blog, mesmo que a pesquisa tenha prazo de validade.

Além disso, encontrei um bom pretexto para migrarmos as atualizações do blog para quarta-feira. Na última quinta-feira ele ficou aos grilos.

Portanto, em ritmo de Mustafary, vamos devagar na produção de conteúdos originais para “dilatá-los” melhor.

Melhores horários nas Redes Sociais

O site Olhar Digital já resumiu bem a pesquisa aqui. A gente a sintetiza mais ainda:

O Facebook funciona melhor entre terça e quinta-feira. Os melhores horários são das 11h às 14h.

No Instagram é bom divulgar produtos e conteúdos das 11h às 14h, das 18h às 22h e durante as noites de quarta e quinta-feira, das 20h às 21h.

Nos dias úteis, o Twitter pode ser melhor aproveitado das 18h às 22h. Na quarta-feira, o microblog não para de comentar realitys shows e jogos.

Horários nobres para algoritmos

Não estou com nenhuma pesquisa ou teste em mãos, mas é certo que há um dedos dos algoritmos nessa história.

Não dá para descartar a dinâmica do acordar, levantar, ir trabalhar, conectar, ler, consumir e produzir nas redes sociais. Essa rotina humana é responsável por parte dos resultados acima.

Só não podemos esquecer que a timeline do Facebook, por exemplo, é construída conforme escolhas algorítmicas. Se o algoritmo é programado para reforçar os horários de maior fluxo, assim serão por muito tempo.

Afinal, todos esses horários se tornam tão nobres para a publicidade quanto é um intervalo do Jornal Nacional. E, se tempo é dinheiro, imagine quanto deve custar uma quarta-feira com tanta gente interagindo, então…

Bom, ser humaninhos, é isso. Até quarta que vem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *